Aperte o PLAY e ouça a Rádio Antena Love

VDEOS: Bom Dia Paran de sexta-feira, 15 de outubro


Assista aos vdeos do telejornal com as notcias do Paran. Assista aos vdeos do telejornal com as notcias do Paran.

Leia Mais

Clnica de Sade oferta atendimentos gratuitos em Guarapuava


A RealClin realiza servios em mltiplas especialidades, de forma integrada e humanizada A Clnica de Sade (RealClin), do Centro Universitrio Campo Real, realiza atendimentos gratuitos, em mltiplas especialidades, de forma integrada, humanizada e de qualidade para o cuidado, ensino e pesquisa junto comunidade de Guarapuava e regio. A RealClin a Clnica Escola dos cursos da Sade do Centro Universitrio Campo Real ATENDIMENTOS DE FISIOTERAPIA A RealClin est ofertando atendimento de fisioterapia populao. As consultas so nas reas de ortopdica, neurofuncional, respiratria e cardiorrespiratria. A Clnica de Sade tambm realiza atendimentos aos pacientes que apresentam sequelas respiratrias e motoras aps a contaminao do coronavrus. As consultas atendem s necessidades individuais, proporcionando mais conhecimento das repercusses da doena e recuperao teraputica. EXAMES PREVENTIVOS S MULHERES Como parte da programao das aes da Campanha Outubro Rosa, a RealClin, por meio do curso de Enfermagem, est realizando exame preventivo de colo de tero. Os exames so gratuitos e acontecem s segundas-feiras, das 8h s 11h30, e s quartas-feiras, das 13h30 s 16h. APOIO PSICOLGICO EM TEMPOS DE PANDEMIA O acompanhamento psicolgico populao objetiva a reduo da ansiedade, da tenso e da angstia gerada pelo clima de apreenso vivenciado no perodo de pandemia, objetivando o fortalecimento de recursos psquicos de enfrentamento e o cuidado sade mental em tempos de pandemia. Os acadmicos do curso de Psicologia realizam apoio psicolgico comunidade. ATENDIMENTO NUTRICIONAL Tambm so ofertados atendimentos nutricional populao. As consultas so gratuitas e contam com plano alimentar individualizado, de acordo com suas necessidades e seus objetivos, alm do acompanhamento das medidas antropomtricas e percentual de gordura corporal. RealClin oferece atendimento nutricional gratuito populao. AGENDAMENTO DOS ATENDIMENTOS O agendamento das consultas deve ser realizado na RealClin, pelo telefone (42) 3621-5200 ou por mensagem no WhatsApp (42) 9 8871-1540.

Leia Mais

Educao Infantil em Araucria retoma atendimentos presenciais


Em 18 de outubro est previsto o retorno das turmas do Infantil 04; independente da idade, as unidades educacionais cumprem uma srie de medidas necessrias para cuidados com a sade de todos neste momento ainda de pandemia No ltimo dia 04 de outubro, as turmas de Infantil 5, da rede municipal de ensino de Araucria, retomaram suas atividades presenciais. A deciso de retorno de atividades presenciais considerou a vistoria do Comit Permanente de Retorno s Aulas e relatrios emitidos autorizando o retorno presencial. At ento, apenas as turmas de ensino fundamental tinham retornado aos atendimentos presenciais. No prximo dia 18 de outubro est previsto o retorno das turmas do Infantil 04. Independente da idade, as unidades educacionais cumprem uma srie de medidas necessrias para cuidados com a sade de todos neste momento ainda de pandemia. Embora a equipe tenha recebido as chaves em 27 de maro de 2020, somente na segunda-feira (04) que as primeiras crianas tiveram atividades presenciais no CMEI Tereza de Benguela, localizado no Jardim Arvoredo. O prdio deste CMEI uma conquista para a regio, j que no havia atendimento de educao infantil prximo. A unidade da Educao Infantil conta com um total de 325 crianas matriculadas (do Infantil 1 ao Infantil 5). De acordo com a diretora, Mrcia Rejane dos Santos Brito, a comunidade do Jardim Arvoredo estava animada com a possibilidade do atendimento presencial na unidade. A equipe da unidade realizou reunies com os pais (incluindo das turmas de Infantil 4) para tratar sobre os kits individuais entregues pela Prefeitura (com garrafa squeeze, 03 mscaras de cores diferentes, lcool em gel, sabonete lquido e necessaire para armazenamento desses itens), sobre as orientaes da importncia do uso de mscara e tambm sobre a necessidade de a equipe avaliar, do ponto de vista de aprendizado, como est cada uma das crianas acolhidas. OUTRAS TURMAS - A Secretaria Municipal de Educao de Araucria (SMED) confirmou as datas previstas para o retorno presencial (em modelo hbrido) de outras turmas da Educao Infantil. O atendimento presencial de crianas do Infantil 3 est previsto para iniciar em 25 de outubro. J o Infantil 2 ser em 27 de outubro e o Infantil 1 e Infantil Beb em 08 de novembro. A participao das crianas/estudantes em atividades presenciais, bem como apenas remoto (se for deciso da famlia) ocorre somente com a devida autorizao a ser assinada pelo responsvel legal (j disponvel) na unidade onde a criana est matriculada. O contato com as famlias (bem como outros esclarecimentos) ocorre por meio da unidade educacional. Para as crianas de 0 a 3 anos, o atendimento ser em dois grupos, um pela manh e outro a tarde. Com isso, possvel atender a todas as crianas de uma turma em um nico dia e garantir o processo de adaptao e atendimento contnuo necessrios para essas idades. As unidades esto disposio para esclarecer possveis dvidas dos pais bem como para outras orientaes que sejam necessrias.

Leia Mais

VDEOS: Bom Dia Paran de quinta-feira, 14 de outubro


Assista aos vdeos do telejornal com as notcias do Paran. Assista aos vdeos do telejornal com as notcias do Paran.

Leia Mais

Homem preso em Curitiba suspeito de integrar quadrilha de roubo de materiais de telefonia e internet


Segundo Polcia Civil, suspeito recebia material furtado e depois revendia no mercado clandestino. Homem preso em Curitiba suspeito de roubar materiais de telefonia e internet de empresas Polcia Civil/Divulgao Um homem foi preso suspeito de integrar uma quadrilha que rouba materiais de telefonia e internet de empresas em Curitiba. A priso aconteceu na quarta (13), na Cidade Industrial da capital. Segundo a Polcia Civil, ele recebia o material furtado e depois revendia no mercado clandestino. No local onde o suspeito foi encontrado, a Polcia Civil tambm localizou cabos de fibra ptica, modens e fusveis. De acordo com o delegado que lidera o caso, Tiago Dantas, os produtos foram encontrados dentro de caixas lacradas, alguns com verificao de empresas e concessionrias do servio para entes pblicos. Somado a isso, todos esses equipamentos, de acordo com as concessionrias, no so comercializados. [...] Percebe-se pela grande quantidade que so produtos desviados, produtos de furto, de apropriao, afirmou. S para a Prefeitura de Curitiba, o roubo deste tipo de material gerou prejuzo em 2021 de R$ 640 mil. At esta quinta (14), 201 furtos de cabos de semforo foram registrados na capital, sendo 43 na regio da Linha Verde. Veja mais notcias do estado em g1 Paran.

Leia Mais

Polcia Civil cumpre mandados em operao de combate a associao criminosa ligada ao trfico de drogas no Paran


Segundo polcia, so 23 mandados de priso preventiva e 40 de busca e apreenso; alvos comandam trfico dentro e fora de penitencirias. Operao foi deflagrada na manh desta quinta (14) Giovani Zanardi/RPC A Polcia Civil (PC) cumpre 23 mandados de priso e 40 de busca e apreenso em uma operao deflagrada na manh desta quinta-feira (14) de combate ao trfico de drogas no Paran. Os alvos, conforme a PC, so suspeitos de comandar o trfico dentro e fora de presdios. Alguns esto presos. As ordens judiciais so executadas, no Paran, em Curitiba e Regio Metropolitana, Ponta Grossa, Guarapuava, Nova Esperana e Paraso do Norte. Tambm so cumpridos mandados em So Paulo e Santa Catarina. Segundo a Polcia Civil, as investigaes do caso comearam em abril deste ano e so um desdobramento de um projeto que combate homicdios ligados ao trfico de drogas. Veja mais notcias do estado em g1 Paran.

Leia Mais

Paran vai se tornar hub logstico com ampliao de ferrovias e portos


Diversos projetos buscam ampliar o potencial de movimentao de cargas do estado, que teve recorde histrico no primeiro semestre de 2021 O Paran teve um recorde histrico de movimentao de cargas no primeiro semestre de 2021. Os portos de Paranagu e Antonina registraram o volume de 29.081.691 toneladas de produtos transportados. Os dados so do Ministrio da Economia. Ainda assim, a indstria paranaense convive com gargalos logsticos para escoar a produo, como a falta de estrutura ferroviria. O cenrio deve mudar com a futura prorrogao da Malha Sul e a construo da Nova Ferroeste, que trar novos trilhos para regies produtoras e inclui obras no Porto de Paranagu. Com a previso de crescimento nos portos, o modal ferrovirio precisa ser melhorado para evitar um colapso nas rodovias, pontua Joo Arthur Mohr, gerente de Assuntos Estratgicos do Sistema Fiep. A entidade participa ativamente das discusses sobre o futuro da logstica no Paran dentro do G7. Custo logstico e competitividade Atualmente, o Paran concentra 70% do Produto Interno Bruto (PIB) da Amrica do Sul em um raio de 1.000 km, abrangendo estados do Sul, Sudeste, Centro-Oeste e pases vizinhos como Uruguai, Paraguai, Argentina e Bolvia. Com a Nova Ferroeste, o estado se tornar um hub logstico para escoar a produo tanto interna quanto externamente. No adianta ter um setor produtivo forte, um porto de alta capacidade, se no provermos condies para o crescimento. A ferrovia ter esse papel, destaca Luiz Henrique Fagundes, coordenador do grupo de trabalho do Plano Estadual Ferrovirio. Sero 1.285 km de novos trechos, conectando o Paran ao Mato Grosso do Sul e interligando regies produtivas do estado ao porto. A ampliao do modal ferrovirio deve reduzir em 28% o custo logstico da indstria e promover ganhos s comunidades do entorno a estimativa do grupo de trabalho que a Nova Ferroeste beneficie nove milhes de pessoas em 427 municpios, gerando emprego, renda e desenvolvimento. O traado comea em Maracaju, no Mato Grosso do Sul, onde se conecta Malha Oeste brasileira, passa por Guara, Cascavel e chega at o Porto de Paranagu, tendo ainda um ramal entre Cascavel e Foz do Iguau. Em Balsa Nova, conecta-se Malha Sul. Temos que estar conectados com a malha ferroviria nacional. A maior parte do setor produtivo est no oeste do pas, longe do porto. H uma necessidade de criar um corredor de insumos para consumo interno, como milho e soja, pontua Fagundes. Mudanas na logstica porturia Os resultados na movimentao de cargas dos Portos do Paran, complexo que inclui Paranagu e Antonina, devem seguir em crescente nos prximos anos. O Plano Nacional de Logstica Porturia projeta que at 2030 o volume de cargas movimentadas deve ser de 60 milhes, valor que est muito perto de ser alcanado j em 2022, mostrando que as projees sero atingidas oito anos antes do previsto inicialmente. Desde 2019, o Terminal de Contineres de Paranagu (TCP) j vem ampliando a capacidade de escoamento em suas instalaes, com a inaugurao do maior terminal porturio do pas, que aumentou o potencial de operao em 66%. Os investimentos continuam, com previso de R$ 548 milhes em melhorias que sero executadas at 2048. Diante disso, o Porto de Paranagu precisa se preparar para receber um grande aumento do fluxo de contineres e ser preciso compatibilizar o fluxo crescente de granis que chegam pela ferrovia com a capacidade de desembarque do porto. No modelo atual, as composies precisam ser desmembradas e os vages so destinados para terminais diferentes. Isso gera muitas manobras e congestionamento na cidade de Paranagu, pontua o gerente de Assuntos Estratgicos do Sistema Fiep, Joo Arthur Mohr. Um dos projetos em andamento no setor porturio a criao do Porto Guar, administrado pela iniciativa privada, vizinho ao Porto Pblico de Paranagu, que inclui a construo de uma pera ferroviria, com ponto de descarga nica. A projeo escoar 35 milhes de toneladas de cargas movimentadas por ferrovias: Isso s ser possvel porque o planejamento de todo o novo empreendimento porturio olhou primeiramente para a rodovia, depois para a ferrovia e, por fim, para o porto, salienta o consultor do setor porturio, Luiz Dividino. Outro projeto, tambm em Paranagu e da iniciativa privada, o denominado Novo Porto, que est em fase de projetos e obteno de licenas para autorizao de sua implantao. Atuao conjunta O governo estadual, o governo federal, representantes da sociedade civil e das organizaes envolvidas trabalham para dar os prximos passos nos projetos que vo acelerar a competitividade logstica paranaense. Em setembro, um encontro no Sistema Fiep reuniu todos esses representantes para apresentar o potencial de movimentao de cargas dos Portos do Paran. Hoje nosso custo logstico maior do que o dos concorrentes. Os novos terminais privados vo dar uma alavancagem muito grande, e a combinao entre investimentos pblicos e privados gera uma concorrncia positiva, porque para crescer precisamos pensar nas prximas dcadas, analisa o consultor Luiz Dividino. O vice-presidente do Sistema Fiep e coordenador do Conselho Temtico de Infraestrutura, Edson Vasconcelos, destaca a importncia do trabalho conjunto realizado por todas as instituies: Vamos mostrar a capacidade que o Paran tem de receber as cargas, atendendo outros estados e pases, e dar um exemplo ao Brasil, de que a unio fundamental para chegar a um objetivo comum. Descubra o que o Sistema Fiep tem para a sua indstria.

Leia Mais

Tcnica de enfermagem agredida por paciente em UPA no Paran, e Guarda Municipal passa a fazer segurana dentro do local


Caso aconteceu em Ponta Grossa, na segunda (11); segundo vtima, homem estava embriagado e tentou estrangul-la, alm de dar socos e chutes. Tcnica de enfermagem foi vtima de agresso dentro da UPA onde trabalhava Reproduo/RPC Uma tcnica de enfermagem foi agredida por um paciente enquanto trabalhava dentro de uma Unidade de Pronto Atendimento em Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paran. O caso aconteceu na UPA Santana, na segunda (11). Dois dias depois, na quarta (13), a prefeitura anunciou o uso de equipes da Guarda Municipal para reforo da segurana na unidade. Entenda abaixo. Segundo a vtima, que preferiu no se identificar, o suspeito estava embriagado e chegou a tentar estrangul-la. Ele a golpeou aps a profissional explicar que no poderia dar a ele uma coberta pois o item fica disponvel apenas para pacientes internados aguardando transferncia. Ele ento a desacatou e a atacou com o suporte do soro. A jovem ainda conseguiu se defender com os braos, mas, de acordo com ela, o homem derrubou o computador da mesa e jogou a vtima no cho, dando chutes e socos. Ela foi socorrida por outros pacientes e ficou com hematomas nos braos e no trax, alm de dor no corpo. Segurana na unidade De acordo com a prefeitura, equipes da Guarda Municipal vo se revezar com agentes dentro da unidade at que a instalao de cmeras de monitoramento e de alarmes seja feita na UPA. A Secretaria Municipal de Cidadania e Segurana Pblica ainda informou que ir instalar um sistema parecido ao do boto do pnico dentro da unidade. O objetivo garantir segurana a pacientes, servidores e equipes de sade. Veja mais notcias da regio em g1 Campos Gerais e Sul.

Leia Mais

Covid: Ponta Grossa aplica segunda dose nesta quinta (14) e sexta-feira (15); veja quem pode receber o imunizante


Vacinados com a Coronavac at 25 de setembro podem receber a segunda aplicao nos dois dias. Pessoas que foram imunizadas com a Astrazeneca at 20 de julho recebem a segunda dose na sexta-feira. Esto previstas mais de 12 mil aplicaes de vacina na cidade nos dois dias. Giuliano Gomes/PR PRESS A Prefeitura de Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paran, divulgou, nesta quarta-feira (13), o cronograma de aplicao da segunda dose das vacinas da Coronavac e Astrazeneca para quinta (14) e sexta-feira (15). Na cidade, obrigatrio realizar agendamento para receber a primeira e a segunda dose do imunizante. Faa o agendamento aqui. Coronavac Para as pessoas que receberam a primeira dose da Coronavac at 25 de setembro, a imunizao com a segunda aplicao vai acontecer nos dois dias. Na quinta-feira (14), a imunizao acontece das 9h s 18h30. So 4 mil doses disponveis para o dia. Na sexta-feira (15), a aplicao acontece para o mesmo pblico das 9h s 16h. Neste dia, so 3,6 mil doses disponveis. A vacinao acontece no Centro de Eventos, na modalidade drive-thru, e na Estao Arte, para pedestres. Astrazeneca Na sexta-feira (15), tambm h vacinao com a segunda dose para as pessoas que se imunizaram com a vacina da Astrazeneca at 20 de julho. O agendamento foi aberto nesta quarta-feira (13), com 5,4 mil doses disponveis. A aplicao acontece das 16h s 20h no Centro de Eventos, na modalidade drive-thru, e na Estao Arte, para pedestres. VDEOS: Mais assistidos do g1 PR Veja mais notcias da regio em g1 Campos Gerais e Sul.

Leia Mais

Dengue: Paran tem 30 novas confirmaes e chega a 249 casos, diz boletim


Dados divulgados pela Secretaria Estadual da Sade (Sesa) nesta quarta-feira (13), estado registrou os primeiros casos de febre Chikungunya do ano. Estado tem 1.585 casos de dengue em investigao. Reproduo O Paran registrou 30 novas confirmaes de casos de dengue no estado no boletim epidemiolgico publicado nesta quarta-feira (13) pela Secretaria Estadual da Sade (Sesa). O boletim anterior tinha sido divulgado no dia 5 de outubro. Os 30 novos casos foram diagnosticados nas seguintes cidades: Os novos casos confirmados foram registrados em Foz do Iguau, Paranava, Londrina, Maring, Nova Aurora, Marechal Cndido Rondon, Ribeiro Claro, Sertaneja, Rolndia, Ibipor, Bela Vista do Paraso, Ubirat, Engenheiro Beltro e Paranagu. Com os novos casos, o estado chegou a 249 registros confirmados da doena desde a segunda quinzena de agosto, quando se iniciou o atual ano epidemiolgico. Alm disso, ainda h 1.585 casos em investigao no estado. At esta quarta-feira (13), nenhuma morte havia sido registrada por dengue no Paran no perodo. Chikungunya No mesmo boletim, a Sesa informou que o estado registrou os primeiros casos de febre Chikungunya desde o incio do ano epidemiolgico. So trs casos em Rondon, no noroeste do estado, de pessoas que tm vnculo familiar. H ainda outras 32 notificaes da doena no estado, mas sem confirmao. De acordo com a Sesa, os casos so isolados e no h motivo para alerta. VDEOS: Mais assistidos do g1 PR Veja mais notcias da regio em g1 Paran

Leia Mais