Aperte o PLAY e ouça a Rádio Antena Love

Faculdade particular oferece mamografia de forma gratuita, em Campina Grande


Sero trs dias de atendimento; 15; 22 e 29, destinado a mulheres a cima de 40 anos. Faculdade particular oferece mamografia de forma gratuita, em Campina Grande Reproduo Uma ao de uma faculdade particular est oferecendo mamografia de forma gratuita, nesta sexta-feira (15), em Campina Grande. O objetivo fazer o diagnstico da doena de forma precoce, levando em considerao que um em cada trs casos de cncer pode ser curado se for descoberto logo no incio. A ao acontece no Partage Shopping nesta sexta e nas duas seguintes, dentro da Unidade Mvel de Mamografia da Unifacisa. De acordo com a faculdade, sero realizados 30 atendimentos por dia, das 13h s 19h Faa a inscrio Para agendar o exame necessrio ter mais de 40 anos e preciso ter identidade, CPF, carto SUS e comprovante de residncia. O uso de mscara dentro da unidade mvel de mamografia obrigatrio. Outubro rosa O cncer de mama ocupa a primeira posio em mortalidade por cncer entre as mulheres no Pas. De acordo com o Instituto Nacional do Cncer (INCA), um em cada trs casos de cncer pode ser curado se for descoberto logo no incio. Alguns tipos de cncer, entre eles o de mama, apresentam sinais e sintomas em fases iniciais. Detectar de forma precoce traz melhores resultados no tratamento e ajuda a reduzir a mortalidade. Vdeos mais assistidos do g1 Paraba

Leia Mais

Suspeito de matar esposa na frente dos filhos, no Serto da Paraba, se entrega a polcia


Luciana Pereira da Silva, de 26 anos, tinha solicitado medida protetiva contra o suspeito na noite do ltimo sbado (9), mas foi assassinada na frente dos dois filhos do casal no domingo (10). Luciana Pereira da Silva, de 26 anos. Divulgao/Polcia Civil Um homem suspeito de ter matado a esposa se entregou polcia e confessou o crime, nesta quinta-feira (14). A vtima, Luciana Pereira da Silva, de 26 anos, tinha solicitado uma medida protetiva contra o suspeito na noite do ltimo sbado (9), mas foi assassinada na frente dos dois filhos do casal no domingo (10), em Tavares, no Serto da Paraba. Mulher assassinada um dia depois de pedir medida protetiva contra marido, no Serto da PB De acordo com a Polcia Civil, os agentes perceberam que a me do suspeito estava indo levar alimentos para ele, na mata do municpio de Tavares, onde ele estava escondido. A polcia a intimou, solicitando que ela falasse com o suspeito, para fazer ele se entregar. O suspeito foi at a delegacia com o advogado e se entregou, nesta quinta-feira (14). Entenda o caso Luciana Pereira da Silva, de 26 anos, foi assassinada na frente dos dois filhos, em Tavares, no Serto da Paraba, no ltimo domingo (10). O marido teria matado ela logo aps receber a notcia de oficiais de Justia, comunicando a autorizao da medida protetiva solicitada por ela, conforme a Polcia Civil. De acordo com o delegado Paulo nio, a vtima teria voltado para a casa dela e o suspeito estava nas proximidades, escondido na residncia de parentes, aps o pedido de medida protetiva. O pedido de medida protetiva foi distribudo na manh do domingo e a medida foi decretada pelo juiz plantonista por volta das 11h. Ainda segundo o delegado, quando o suspeito ficou sabendo da medida protetiva, se armou com um revlver e assassinou a esposa na presena de seus dois filhos pequenos, um de 4 e outro de 7 anos. Vdeos mais assistidos do g1 Paraba

Leia Mais

Pesquisa registra aumento do preo da gasolina em todos os postos de Joo Pessoa, diz Procon


Preo de R$ 6,299 est sendo praticado em oitos locais. Pesquisa foi realizada em 110 postos da capital. Pesquisa registra aumento do preo da gasolina em todos os postos de Joo Pessoa, diz Procon Alan Chaves/G1 Uma pesquisa comparativa para combustveis realizada pela Secretaria Municipal de Proteo e Defesa do Consumidor de Joo Pessoa (Procon-JP), nesta quarta-feira (13), encontrou o preo da gasolina, para pagamento vista, oscilando entre R$ 6,079 (gua Fria) e R$ 6,299, numa diferena de 22 centavos. Se comparado ao levantamento do ltimo dia 6 na mesma modalidade de pagamento, o produto teve aumento de 24 centavos. A pesquisa foi realizada em 110 postos da capital. Confira a pesquisa do Procon-JP na ntegra O preo de R$ 6,299 est sendo praticado em oitos locais: postos Pichilau Gauchinha (Distrito Industrial); JR e Opo (Manara); 99 (Epitcio Pessoa); Big, Select e So Luiz XVI (Tamba); e Autopel (Tambauzinho). Quanto ao pagamento no carto, a diferena no preo da gasolina chega a 32 centavos, com o maior valor sendo praticado a R$ 6,399 e o menor se mantendo em R$ 6,079. A gasolina apresenta as menores variaes entre os combustveis pesquisados: 3,5% ( vista) e 5,3% (no carto), com mdia de preo de R$ 6,199 ( vista). O produto registrou alta de preos em todos os estabelecimentos visitados. A pesquisa mostra, ainda, que o menor preo do litro do lcool continua o mesmo da semana passada, R$ 4,880 (Centro), o mesmo ocorrendo com o maior, que se mantm em R$ 5,429 (Distrito Industrial). Em comparao ao levantamento anterior, quatro postos aumentaram, 24 reduziram e 78 mantiveram o mesmo preo. Os preos (menor e maior) do diesel S10 continuam os mesmos do levantamento passado, oscilando entre R$ 4,699 (Bancrios) e R$ 5,399 (Manara). Dois postos reduziram o preo do produto, 14 aumentaram e 85 mantiveram o mesmo valor em relao semana passada. O Gs Natural Veicular (GNV) tambm manteve os mesmos preos da pesquisa anterior do Procon-JP e est entre R$ 4,129 (Geisel) e R$ 4,989 (Jardim Cidade Universitria). Todos os 13 revendedores do produto em atividade mantiveram o mesmo preo registrado na semana passada. Vdeos mais assistidos do g1 Paraba

Leia Mais

Gs de cozinha passa a custar R$ 119 neste sbado (16), na Paraba, diz sindicato


Esse j o dcimo aumento do ano e, sem contar esse novo reajuste, o gs de cozinha j subiu cerca de 47,1%. desde janeiro. Gs de cozinha passa a custar R$ 119 neste sbado (16), na Paraba, diz sindicato Aurlio de Freitas/ TV Gazeta O preo do gs de cozinha vai aumentar e passar a custar R$ 119 neste sbado (16), na Paraba, de acordo com o presidente do Sindicato dos Revendedores de Gs (Sinregs) Marcos Antnio. De acordo com os dados do ndice Nacional de Preos ao Consumidor Amplo (IPCA) divulgados no dia 8 de outubro pelo IBGE, no acumulado nos ltimos 12 meses at setembro, o preo do gs de botijo avanou 34,67%. No comeo do ano de 2021, o botijo custava, em mdia, R$ 85. O presidente da Sinregs explicou que o aumento no vem da Petrobras e est relacionado cobrana do ICMS que praticado pelos estados. Toda vez que a mercadoria aumenta a sua base de clculo, no resultado final so mais impostos, diz Marcos Antnio. Esse j o dcimo aumento do ano e, sem contar esse novo reajuste, o gs de cozinha j subiu cerca de 47,1%. desde janeiro. Na segunda-feira (11), tambm houve um reajuste de 7% anunciado pela Petrobras. Vdeos mais assistidos do g1 Paraba

Leia Mais

Professora tem apartamento invadido e suspeitos so presos com notebook, celular e TV, em Joo Pessoa


Suspeitos teriam visto a janela do apartamento aberta, tiraram o porto do trilho e escalaram at o terceiro andar do apartamento. Suspeitos roubaram televiso, computador, celular, entre outros objetos, que foram recuperados em seguida PMPB/Divulgao Uma professora universitria teve o apartamento invadido na madrugada desta sexta-feira (15), no bairro Jardim So Paulo, em Joo Pessoa. Dois homens entraram no apartamento da vtima e roubaram notebook, celular, TV, entre outros objetos. Os suspeitos teriam visto a janela do apartamento aberta, tiraram o porto do trilho e escalaram at o terceiro andar do apartamento. Eles saram pela porta. Quando a vtima, que estava sozinha, percebeu a presena dos suspeitos, eles fugiram com os objetos. A professora acionou a Polcia Militar, que fez buscas na regio e conseguiu prender a dupla de suspeitos em flagrante, no bairro do Varadouro, prximo a uma feira de troca. Vdeos mais assistidos do g1 Paraba

Leia Mais

Acidente com caminhonete deixa dois mortos e seis feridos em rodovia, no Serto da Paraba


As duas vtimas estavam no compartimento de cargas no momento do acidente, que ocorreu entre os municpios de Monte Horebe e Bonito de Santa F, no serto do Estado. Acidente aconteceu na PB-400, no Serto paraibano Reproduo/TV Paraba Duas pessoas morreram e seis ficaram feridas em um acidente com uma caminhonete do Departamento de Estradas e Rodagens da Paraba (DER-PB), na rodovia PB-400, na tarde de quinta-feira (14), entre os municpios de Monte Horebe e Bonito de Santa F, no Serto da Paraba. A caminhonete transportava oito pessoas, sendo seis no interior do automvel, e duas no compartimento de cargas. A caminhonete tombou e as duas pessoas que estavam na parte externa do carro morreram ainda no local. O Servio de Atendimento Mvel de Urgncia (SAMU) esteve presente no local e as seis pessoas que estavam no dentro da caminhonete foram encaminhadas para o Hospital Regional de Cajazeiras. A caminhonete envolvida com o acidente s poderia transportar cinco pessoas devidamente acomodadas e com segurana, capacidade mxima permitida, e estava transportando pessoas em excesso - tendo, tambm, pessoas no compartimento de cargas do veculo, o que no permitido por lei, de acordo com o artigo 235 do Cdigo de Trnsito Brasileiro. O Departamento de Estradas e Rodagens da Paraba ainda no se pronunciou sobre o acidente. Vdeos mais assistidos do g1 Paraba

Leia Mais

Seis suspeitos de fazerem parte de faco criminosa so presos com armas e drogas, na Paraba


Homens foram presos em Jacara, Litoral Norte do estado, em uma operao das policias Civil e Militar. Seis suspeitos de fazerem parte de faco criminosa so presos com armas e drogas, na Paraba Divulgao/Polcia Civil Uma operao policial prendeu, nesta quarta-feira (13), seis pessoas suspeitas de integrarem faces criminosas na Paraba. Segundo informaes da polcia, os suspeitos estavam em Jacara, Litoral Norte do estado. Com eles, foram apreendidos armas e drogas como cocana, haxixe e maconha. De acordo com o superintendente da Polcia Civil, Luciano Soares, a operao foi integrada entre as Polcias Civil e Militar. O grupo j estava sendo investigado h algum tempo. A polcia ainda informou que os suspeitos, recentemente, estavam publicando nas redes sociais imagens ostentando armas e disparando com elas nas ruas de Jacara. Os homens tambm picharam muros de residncias com siglas de faces na cidade. Os suspeitos foram levados para a delegacia, onde esto disposio da Justia. Os homens foram presos em Jacara, Litoral norte do estado, em uma operao das policias Civil e Militar. Divulgao/Polcia Civil Seis pessoas so presas por trfico de drogas, em Jacara, no Litoral Norte da Paraba Vdeos mais assistidos do g1 Paraba

Leia Mais

Dois suspeitos de roubo a banco so mortos em troca de tiros com a polcia, no Serto da PB


Os quatro homens foram localizados na cidade de Patos. Mas, quando perceberam ao da polcia, atiraram contra os agentes. Vdeos mostram o tiroteio. Patos Divulgao/Polcia Civil Uma agncia bancria foi assaltada por quatro homens, na madrugada desta quarta-feira (13), no municpio de Paulista, no Serto da Paraba. Os homens explodiram caixas eletrnicos e trocaram tiros com a polcia. Dois suspeitos acabaram morrendo durante o tiroteio. Segundo informaes da polcia, os quatro homens foram localizados na cidade de Patos, no Serto do estado, aps o crime. Mas, quando os suspeitos perceberam a ao da polcia no local, atiraram contra os agentes. Vdeos registraram o momento em que os suspeitos trocam tiros com a polcia. Dois suspeitos de assaltos a banco acabaram mortos aps reagir a abordagem Ainda segundo a polcia, dos quatro suspeitos, dois foram atingidos por tiros. Um morreu no local e o outro ainda foi socorrido para o hospital, mas no resistiu aos ferimentos. Os outros dois suspeitos conseguiram fugir em uma mata da regio de Patos. At a ltima atualizao desta matria os dois homens no tinham sido localizados pela polcia. Outro caso no Serto Na quarta-feira (13), quatro homens suspeitos de exploses a caixas eletrnicos, trfico de drogas, roubos e homicdios foram mortos a tiros durante um confronto com a Polcia Civil, em Coremas, no Serto da Paraba. De acordo com o delegado Victor Melo, a polcia encontrou o esconderijo do grupo aps trs meses de investigaes. Vdeos mais assistidos do g1 Paraba

Leia Mais

Operao prende 10 pessoas suspeitas de integrar faces criminosas na PB


Duas escopetas calibre 44, trs revlveres e munies foram apreendidos. Operao em Jacara prende 10 pessoas e desarticula faces criminosas na regio Divulgao/Polcia Civil Uma operao realizada na cidade de Jacara, na Zona da Mata paraibana, nesta quinta-feira (14), prendeu dez pessoas integrantes de faces criminosas, inclusive de uma que tem origem em So Paulo. O trabalho foi da Polcia Civil da Paraba, em ao integrada com a Polcia Militar. Duas escopetas calibre 44, trs revlveres e munies foram apreendidos. Segundo o delegado Sylvio Rabelo, da seccional de Mamanguape, os membros da faco provocaram assaltos em residncias na regio, ameaas com refns e um duplo homicdio no ltimo sbado (9). As Polcias Civil e Militar montaram um plano de ao, onde passaram a realizar todas as diligncias necessrias s capturas dos mesmos. Inclusive em dado momento desta ltima noite, uma casa foi cercada pelas Polcias, informou o delegado. Um dos fatos destacados pelo delegado Sylvio Rabelo foi a realizao de uma audincia por videoconferncia com o Judicirio, o que agilizou a expedio dos mandados de priso. Momentos antes da operao realizamos uma audincia por videoconferncia entre os gestores da PC, PM, Judicirio e MP, onde representamos naquele instante por mandado de busca e priso temporria, sendo acolhido pelas Autoridades, revelou. O delegado ressaltou tambm que as aes continuam na rea de maneira integrada. Vdeos mais assistidos do g1 PB

Leia Mais

MPT identifica situaes precrias de trabalho em stio na PB aps denncias de trabalhadoras


Operao investiga o risco do uso de agrotxicos para a sade dos trabalhadores do local. Pulverizador desenvolvido com a adaptao de motocicleta foi interditado. 14 pessoas so encontradas trabalhando em situao anlogas a escravido em Boqueiro, na Paraba Divulgao/Polcia Rodoviria Federal Uma operao identificou situao precria de trabalho em um stio localizado no municpio de Boqueiro,no Cariri da Paraba, na quarta-feira (13). A ao foi montada pelo Ministrio Pblico do Trabalho (MPT) com apoio da Polcia Rodoviria Federal (PRF) para investigar o risco do uso de agrotxicos para a sade dos trabalhadores do local, aps duas mulheres terem passado mal e denunciado a situao em um posto mdico. ERRATA: O g1 errou ao informar que foi constatada situao anloga escravido na plantao e que houve resgate de trabalhadores no local. Essas informaes foram divulgadas pela Polcia Rodoviria Federal da Paraba e depois retificadas pela equipe policial. A informao foi corrigida s 14h14 desta quinta-feira, 14 de agosto de 2021. De acordo com a assessoria de comunicao do MPT, os trabalhadores no tinham carteira assinada e esto expostos aos riscos provocados pela utilizao de agrotxicos, que estariam sendo manuseados de maneira totalmente irregular. Mesmo assim, o cenrio encontrado no configura uma situao anloga escravido, segundo o rgo. At o pulverizador utilizado no stio foi desenvolvido com a adaptao de uma motocicleta. O equipamento foi interditado. Leia tambm: Serto tem maior nmero de resgatados de trabalho escravo na Paraba O Ministrio Pblico do Trabalho informou que vai continuar com as investigaes sobre a atuao na plantao. Situao degradante 14 pessoas so encontradas trabalhando em situao anlogas a escravido em Boqueiro, na Paraba Divulgao/Polcia Rodoviria Federal Ao chegar ao local da denncia, a PRF constatou que 14 pessoas trabalhavam em situao anloga escravido. Segundo a PFR, no lugar, no havia condies mnimas de higiene e estadia. As instalaes onde os trabalhadores dormiam eram precrias e as condies de realizao do trabalho eram inseguras. A PRF ainda informou que todas as pessoas identificadas como trabalhadores em condies anlogas escravido foram resgatas, receberam o apoio necessrio e breve voltaro para suas casas na Bahia. 14 pessoas so encontradas trabalhando em situao anlogas a escravido em Boqueiro, na Paraba Divulgao/Polcia Rodoviria Federal A Polcia Rodoviria Federal ainda informou que o MPT e os rgos de Vigilncia Sanitria tentaram realizar a fiscalizao do stio, mas encontraram dificuldades, ento os policiais do Comando de Operaes Especiais (COE-PB) e Grupo de Patrulhamento Ttico (GPT) da PRF em Campina Grande foram chamados para prestar apoio aos rgos e facilitar a fiscalizao. Vdeos mais assistidos do g1 Paraba

Leia Mais